29 fevereiro 2016

É difícil perceber, são detalhes

Feche os olhos, assim perceberá que para ficar no escuro só é necessário um piscar. Quantas coisas nos deixam levar, e distraem nos de um simples detalhe. A questão não é deixar de se importar com algo para se importar com outra coisa. Trata-se de igualar as casas, há tantas coisas que merecem atenção. É um encontro de pequenos detalhes. Não flui quando a balança esta desequilibrada, um esforço enorme aqui, não irá fazer o papel de todos os outros que também precisam de um empurrão.

Colocar intensidade onde não tem base suficiente para uma estrutura, é perder forças, perder esperanças. É perder a noção de que um milhão vezes zero, continua sendo zero. Se você empurra uma pedra que esta a sua esquerda com tamanha força ela poderá ir bem longe, mas também é provável que não atinja o alvo que almeja. Talvez a direita sim. São apenas hipóteses, que não podem serem descartadas, não quando se tem outras chances.

Há motivos que te convencem a desistir, é inevitável, são os primeiros pensamentos que vem a tona. Sem importância. Já não é mais hora pra pensar em quantos motivos se tem. É a hora de ver se é mesmo a hora de desistir. Sejamos francos. Quando chega, no fundo do coração, e na ponta do cérebro, a gente sabe. A gente sabe porque não queríamos que chegasse esse momento, porque queríamos acertar o alvo, alcançar nossa meta. E saber que o melhor a se fazer é parar, é a parte mais dolorosa em que preferíamos não acreditar. Mas acredite, a gente sabe.E também sabemos que desistir não é parar, é apenas tentar outra maneira, de todas que estiver ao alcance, e as que você não estiver, com o tempo vem a vida e te ergue.

Afinal, o que seria dos dias se não existissem os próximos. Depois dos erros os acertos. Mesmo com inúmeras teorias, as chances de não sair como o previsto é enorme. Nos resta arriscar. Conscientes de que tudo é feito por tentativas, e nem todas podem serem iguais. O segredo esta nos detalhes. Só não percebemos quais são estes. Os que vão fazer todo o sentido, aquele código que você tenta descobrir com as respostas mais complicadas. Talvez o segredo seja este. As coisas são simples para que nos engane tentando complica-las, na verdade, é nós que nos enganamos. 

Layout por Heloise Oliveira - Tecnologia Blogger